Mais de 10 mil migrantes morreram no Mediterrâneo desde 2014, diz ONU

Mais de 10 mil migrantes morreram no Mediterrâneo desde 2014, diz ONU

by -
0 57

Mais de 10 mil pessoas morreram desde 2014 ao tentar a perigosa travessia do Mar Mediterrâneo para chegar às costas da Europa, anunciou a ONU.

“Desde o início de 2014, quando começaram a aumentar as travessias de migrantes no Mediterrâneo, temos 10 mil mortos. Esta marca foi superada nos últimos dias”, afirmou o porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Adrian Edwards.

Há duas semanas, cerca de 14 mil pessoas foram retiradas de embarcações muitas vezes precárias enquanto tentavam atravessar o Mediterrâneo, informaram a Guarda Costeira e a ONU, mas centenas podem ter se afogado.

No dia 25 de maio, o naufrágio de um grande barco sobrecarregado fez cinco mortos e uma centena de desaparecidos dos cerca de 550 sobreviventes, muitos dos quais disseram ter perdido um membro da família ou companheiro de viagem.

NO COMMENTS

Leave a Reply